quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Adolescentes de S. José dos Campos (SP) descobrem e se encantam com a Mata Atlântica na Reserva Ecológica Augusto Ruschi.

Estudantes encontram um sapo no pátio das instalações da Reserva Ecológica. Na foto acima, a Elza mostra que o sapo não espirra "leite" nas pessoas.

Muito atentos, os estudantes anotam tudo

Estudantes às margens de um riacho no meio da mata recebendo explicações sobre a importância das áreas preservadas para a proteção dos rios


Estudantes observam as enormes capsulas de sementes do Embiruçu

No dia 20/10/2009, atendemos 110 estudantes da Escola Estadual Marechal Rondom, de São José dos Campos. São alunos da 7a. série de 3 turmas.

Foi um grupo de adolescentes bastante motivados e curiosos para conhecer a riqueza de biodiversidade da Mata Atlântica. Foram os próprios alunos que acharam os animais na trilha, como uma espécie rara de um pequeno lagarto (nome científico: Placosoma glabellum)

A Reserva Ecológica Augusto Ruschi é uma área bem preservada de Mata Atlântica com 245,7 hectares que foi comprada pela Prefeitura de São José dos Campos no ano de 1902, com o propósito proteger as áreas de mananciais.

Há mais de 30 anos a Reserva dispõe de trilhas interpretativas para atividades de educação ambiental das escolas. O que é supreendente. Porém, o local era mais utilizado pelas escolas particulares e geralmente para recreação.

Neste projeto patrocinado pela Johnson & Johnson chegou a vez das escolas públicas serem beneficiadas. Mas com uma diferença muito importante: os estudantes vão usar as trilhas para aprender sobre a Mata Atlântica, com ênfase sobre os serviços ambientais (proteção dos recursos hídricos) e biodiversidade.

As atividades são monitoradas por profissionais treinados. As turmas são dividas em pequenos grupos que acompanham cada um dos monitores nas trilhas. São 2 horas e meia de atividades para cada turma. Mas o professor continua desenvolvendo em sala de aula o que foi observado nas trilhas.

8 comentários:

Scheila - Rã-bugio disse...

Que privilégio que esses alunos estão tendo... Todos os alunos deveriam ter essa oportunidade, mas infelizmente essa não é uma realidade.Pois acredito que se as pessoas(crianças)conhecessem melhor tudo que a floresta nós dá de bom, o ser humano passaria a olhar a natureza com outros olhos, não só no sentido de ganhar dinheiro, mas sim como a essência o milagre da vida!!!

Jackie Gaia disse...

Nada melhor do que sentir "na pele" a importância disso tudo. Ver, observar, caminhar, respirar... As aulas tornam-se muito mais interessantes quando são práticas, porque é através da vivência que conseguimos interiorizar melhor tudo que aprendemos e, acima de tudo, dar valor ao que ainda temos. Grande abraço pra vcs, Germano e Elza! Jaqueline

gabriela disse...

Tá sendo otimo trabalhar com essa escola todos os alunos demonstraram muito interesse pela floresta,muitos nem sabiam que ela existia e nem sabia o quanto é importante preservar a Mata Atâtica.
Agora eles entram com uma visão e saem com outra é esse nosso objetivo tranformar pessoas que futuramente possam preservar e ñ destruir.

Orange disse...

Ah, que legal! Dá até um animo pra quem, as vezes, desacredita no futuro das florestas e tem pensado negativo a respeito.
É graças a projeto como esses que vamos salvar as reservas restantes e criar novas áreas de preservação e com certeza incentivar pequenos cientistas, veterinários e biologos, assim como um dia alguem plantou essa sementinha na minha cabeça.

Abraço e parabens pelo trabalho de vocês.

André disse...

Que estes jovens absorvam e aproveitem os encantamentos disponibilizados. Que atitudes como esta abram a cabeca de quem nos governa, fazendo que a Educacao Ambiental esteja disponivel a todos, maximizando o trabalho de voces, e do saudoso e finado Augusto Ruschi, que um dia disse: "Temos que parar de destruir e salvar o minimo indispensavel do nosso patrimonio natural, mesmo prosseguindo o desenvolvimento industrial. Sejamos acima de tudo humanos".

Um abraco,

Andre Gustavo Carbonera - Ecólogo

Brasil Empreende disse...

Ola visitei seu blog e gostei muito e gostaria de convidar para acessar o meu também e conferir a postagem: ‘Brasil será capaz de liderar a preservação da natureza no mundo???...’ Estamos realizando, também, enquetes e gostaríamos de contar com o voto de vocês.
Sua visita será um grande prazer para nós.
Acesse: www.brasilempreende.blogspot.com
Atenciosamente,
Sebastião Santos.

Brasil Empreende disse...

Ola visitei seu blog e gostei muito e gostaria de convidar para acessar o meu também e conferir a postagem: ‘Brasil será capaz de liderar a preservação da natureza no mundo???...’ Estamos realizando, também, enquetes e gostaríamos de contar com o voto de vocês.
Sua visita será um grande prazer para nós.
Acesse: www.brasilempreende.blogspot.com
Atenciosamente,
Sebastião Santos.

eduino disse...

olá
Germano e Elza !

eu tenho 63 anos e presenciei nessa região entre O RIO GRANDE DO SUL E SANTA CATARINA a derrubada das matas, das araucárias,... para plantar,tirar madeira PARA CONSTRUIR "O ELDORADO NO CENTRO DE GOIÁS" brasilia,toda as araucária que não foram exportadas foram para são paulo e brasilia, e logo após todo este estrago entrou a mono-cultura da soja, sorgo, fumo, ...E HOJE PARA ACABAR COM O QUE SOBROU, QUEREM ENCHER O BIOMA PAMPA DE EUCALIPTOS, PINUS, E OUTRAS PRAGAS,...CAUSANDO O MAIOR DESASTRE AMBIENTAL DE TODOS OS TEMPOS,SECANDO LEITOS DE RIO, ARROIOS, NASCENTES,ACABANDO COM A FAUNA NATIVA,CAUSANDO EXPULSÃO DO CAMPO,A CULTURA PAMPEANA,... COM "PERMISSÃO INSTITUCIONAL" !

*e hoje A FEDERAÇÃO DA AGRICULTURA faz "TERRORISMO" com os pequenos agricultores para não IMPLANTAR A LEI DA RESERVA LEGAL, ORA, O CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO foi elaborado para PROTEGER exatamente A AGRICULTURA pois a sustentabilidade e o futuro da nossa agricultura depende do cumprimento desta lei !

um grande abraço, e longa vida para todos.

Eduino de Mattos
porto alegre RS
conselheiro do COMAM.